Clicky

Selecione a cidade
4020-9734

Notícias › Responsabilidade Social


Xô preconceito: a discriminação sendo discutida no ambiente acadêmico

Estudantes do Viva NASSAU promovem conscientização sobre os diversos tipos de preconceitos
Assessoria de Comunicação Por: Gabriela Campelo 28/10/2016 - 18:42 - Atualizado em: 28/10/2016 - 18:43
Imagem mostra logomarca da campanha
A atividade acontece na manhã da segunda-feira (31) na própria unidade

Promover a igualdade e o reconhecimento das diversidades é um dos mais importantes papéis sociais. Para fomentar esta ideia, os estudantes do Viva NASSAU promovem na próxima segunda-feira (31), na Faculdade Maurício de Nassau – Petrolina, um debate sobre o tema a fim de corroborar com a conscientização sobre o tema.

A mobilização faz parte do projeto Xô Preconceito, desenvolvido pelo Grupo Ser Educacional como parte do seu calendário de responsabilidade social. Durante a atividade, cenas cotidianas serão retratadas para demonstrar como preconceitos e discriminações oprimem. A idéia é mesclar as encenações com depoimentos verídicos.

Como início da mobilização, cartazes de frases preconceituosas foram afixados nos corredores da unidade. Para instruir sobre os Direitos Fundamentais dos indivíduos e mediar o debate, a professora e advogada Ariana Andrade estará participando com os alunos.

De acordo com a professora Amanda Maracajá, o preconceito leva à exclusão e por isso deve ser combatido. “Muitas vezes a gente nem percebe que deixar um deficiente de fora de algo é uma discriminação. Que julgar sem conhecer, sem ter certeza, é preconceito. Preconceito é isso: é conceituar algo sem o conhecimento total dele, e isso leva à exclusão, à marginalização social”, destaca Amanda, que é cientista social.

 A atividade acontece na manhã da segunda-feira (31) na própria unidade, que fica na Avenida Coronel Clementino Coelho, 714, bairro Atrás da Banca.

Comentários