Clicky

Selecione a cidade
4020-9734

Notícias › Educação


Junho Vermelho aborda a relevância de ser um doador de sangue

UNINASSAU Salvador apoia a campanha e realiza palestra gratuita sobre o tema
Assessoria de Comunicação Por: Natali Reis 11/06/2019 - 16:23
Junho Vermelho
Palestra busca desmitificar os mitos e verdades sobre a doação de sangue
Para colaborar com a campanha “Junho Vermelho”, que sensibiliza a população para a importância da doação de sangue, a UNINASSAU – Centro Universitário Maurício de Nassau em Salvador realiza a palestra “Por que ser um doador de sangue?”. A atividade ocorre nesta sexta-feira (14), das 8h às 10h e das 19h às 21h, na unidade Mercês e será ministrada pelo especialista em Hematologia e Hemoterapia, Francisco Alves.   
 
A palestra tem como objetivo desmitificar os mitos e verdades sobre a doação de sangue e irá esclarecer a população sobre como contribuir para regularizar o banco de sangue da Fundação de Hematologia e Hemoterapia do Estado da Bahia (Hemoba). “Iremos abordar a importância desse ato de cidadania, mas também de amor. Salvar uma vida é salvar a si mesmo, é olhar além sem esperar nada em troca”, explica a coordenadora do curso de Biomedicina e responsável pelo projeto, Milena Lima.
 
A ação faz parte do calendário de atividades de Responsabilidade Social da Instituição. Para os interessados, a entrada é gratuita e as inscrições devem ser realizadas pelo site extensao.uninassau.edu.br.
 
Doe Sangue
 
Segundo o Hemoba, para ser um doador de sangue é necessário cumprir alguns requisitos básicos, como: estar em boas condições de saúde, pesar acima de 50 kg, apresentar documento original com foto, emitido por órgão oficial e válido em todo o território nacional, ter entre 16 e 69 anos de idade – sendo que os jovens com menos de 18 devem estar acompanhados por um responsável legal e pessoas com idade maior que 60 anos só podem doar se já tiverem feito a doação antes dos 60.

Comentários