Clicky

Selecione a cidade
4020-9734

Notícias › Educação


Filmes para entrar no clima de Dia das Crianças

Entre clássicos e lançamentos fizemos uma lista para você aproveitar o feriadão
Por: Katarina Bandeira 11/10/2018 - 09:51 - Atualizado em: 11/10/2018 - 09:57
Filmes fazem telespectador voltar à infância. Foto: Freepik
Filmes fazem telespectador voltar à infância. Foto: Freepik

Outubro quando chega parece trazer com ele um sentimento de crescente nostalgia. Basta olhar ao redor. Na internet é possível ver centenas de pessoas postando fotos da infância. Na televisão, uma enxurrada de conteúdo voltado para os pequenos surge a cada comercial e, pessoalmente, a criança interior de alguns de nós se pergunta o que iremos ganhar este ano. Se você também está com saudades daquela época longe dos boletos, da louça para lavar e dos seminários de fim de semestre, nós preparamos uma lista de filmes, entre clássicos e novidades, para você maratonar durante o feriado. Confira!

Peter Pan

A história do menino que não queria crescer ganhou diversas versões nas telonas ao longo dos anos. A mais famosa delas é a animação da Disney (de 1953), que leva o nome do protagonista. Baseado no livro Peter e Wendy, publicado em 1911, Peter Pan, apresenta as aventuras de Wendy e seus irmãos na Terra do Nunca, junto com personagens icônicos como Sininho, os garotos perdidos e o Capitão Gancho.

Toy Story 1,2 3

Da franquia Toy Story é impossível indicar apenas um. As aventuras dos brinquedos de Andy, sempre querendo retornar a sua criança, acompanham a vida do garoto desde a infância até a ida à faculdade (no terceiro filme). Com certeza você vai se emocionar ao rememorar as aventuras de Buzz Lightyear, Xerife Wood, Jessie, Senhor Cabeça de Batata e muitos outros.

Quero ser grande

Um dos clássicos das tardes depois da escola, o filme Quero ser Grande (1988), conta a história do menino Josh Baskin, de 12 anos, que após um desejo se transforma em um homem de 30. No começo, o garoto fica encantado com a  vida adulta, vai para Nova York, começa a trabalhar em uma loja de brinquedos e chega até a ser promovido. Porém, a pressão da vida adulta logo faz com que o protagonista queira voltar a viver como um menino.

A cidade das crianças

Os adultos da pequena Vila de Timpelbach, na França, resolvem pregar uma peça sem seus filhos, a fim de que as crianças comecem a se comportar. Por causa disso, resolvem sumir por um dia inteiro, com esperança de que os pequenos sintam suas faltas. Porém, as coisas acabam não saindo como o planejado quando os adultos são detidos por soldados e as crianças passam a ter o controle da vila.

De repente trinta

“Trinta é a idade do sucesso”. O mantra entoado por Jenna, do filme De Repente 30 (2004), foi provavelmente a frase de muitos jovenzinhos no início dos anos 2000. Afinal, quem nunca quis se tornar adulto, quando não sabia dos boletos, da louça e da falta de comida na geladeira? O filme fala de como uma menina, cansada das dificuldades da pré-adolescência, se transforma em uma mulher adulta e bem sucedida. Aproveitando a fase adulta Jenna começa a entender que “a idade do sucesso”, às vezes, não é tão glamourosa quanto parece.

Bônus

Viva - a vida é uma festa

Essa animação da Disney (2018) conta a história de Miguel, um menino de 12 anos que sonha em se tornar  um músico famoso. O problema é que sua família não aprova música por causa de um acontecimento do passado. No Dia dos Mortos, Miguel acaba parando em um mundo sobrenatural, onde terá a chance de virar o jogo e desvendar um mistério de mais de 100 anos. O filme surge como um bônus porque consegue transportar o telespectador não apenas para os olhos de uma criança, mas também permite que consiga se conectar com o sentimento de família.

 

Gostou das nossas dicas? Conta para nós que filme marcou a sua infância!

 

Comentários