Clicky

Selecione a cidade
4020-9734

Notícias › Educação


Arquitetura celebra Dia da Mulher com debate e exposição

Evento é organizado pelas professoras Juliana Vilas Boas e Suely Mangabeira
Assessoria de Imprensa Por: Aline Pinho 12/03/2018 - 09:35
Arquitetura celebra Dia da Mulher com debate e exposição
A exposição Referências Femininas ArquitetAs está no Hall do bloco B
Para celebrar o Dia Internacional da Mulher e estimular a discussão sobre gênero no meio acadêmico e profissional, o curso de Arquitetura da UNINASSAU - Centro Universitário Maurício de Nassau Recife promove, nesta segunda-feira (12), o debate "Arquitetas enfrentam problemas com igualdade de gênero dentro do âmbito de sua profissão?". O evento, organizado pelas professoras Juliana Vilas Boas e Suely Mangabeira, acontece às 19h, no auditório Roque de Brito, localizado no bloco B da Instituição. A ação conta com a presença da arquiteta Camila Guimarães e da estudante da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e integrante do coletivo Massapê, Laryssa Araújo.
 
A discussão tem o objetivo de exaltar referências históricas e falar sobre as possibilidades de atuação no mercado tendo como centro a figura feminina na arquitetura. Segundo a professora Juliana, é importante refletir sobre alguns questionamentos. "A história relata a presença feminina no mundo da arquitetura de forma igualitária? As academias exaltam prioritariamente as referências masculinas? A supremacia masculina nas premiações mais importantes é justificável? É na tentativa do "parar pra pensar neste tema" que o curso ressalta a importância do evento. A discriminação é, muita vezes, um ato enraizado e não percebível como tal", ressalta.
 
Exposição 
 
Desde o início da semana, a exposição Referências Femininas ArquitetAs está no Hall do bloco B. A mostra, com 9 arquitetas, tem o intuito de quebrar barreiras e exaltar nomes femininos no mundo acadêmico, além de prestar homenagem às arquitetas contemporâneas que fizeram história na profissão. 
 
O bloco B da UNINASSAU está situado na rua Guilherme Pinto, nº 400, bairro das Graças. 
 

Comentários