Clicky

Selecione a cidade
4020-9734

Notícias › Educação


Admirável rádio novo

No Dia Mundial do Rádio - 13 de fevereiro - a celebração é em tom de lembrança e renovação
Por: Paula Brasileiro 13/02/2017 - 00:00 - Atualizado em: 13/02/2017 - 09:00
O rádio construiu sua história ao passo que transmitia a própria história do mundo
O rádio construiu sua história ao passo que transmitia a própria história do mundo

Em pleno ano de 2017, mesmo com todo o avanço da tecnologia e rapidez na transmissão de informações pela internet, o rádio continua sendo um dos meios de comunicação de maior alcance e, sim, audiência. Desde meados de 1800, quando foram realizados os primeiros experimentos de envio de sinais de um ponto a outro, até o seu estabelecimento, no início do século 20, o rádio construiu sua história ao passo que transmitia a própria história do mundo e se estabeleceu como fonte de informação e entretenimento.

As antigas radionovelas são um exemplo da força deste veículo. Elas estouraram, no Brasil, na década de 1940 e embalaram os dias e os sonhos dos ouvintes. Os primeiros folhetins a serem transmitidos foram adaptados de obras estrangeiras, como a icônica ‘O Direito de Nascer’ (originária de Cuba) que passou três anos seguidos no ar. As radionovelas acabaram migrando para a televisão e deram início a uma longa histórias de folhetins, mas o romantismo das tramas narradas e apresentadas - ao vivo - pelas ondas sonoras deixaram fãs saudosos e memórias inesquecíveis.

Para celebrar o Dia Mundial do Rádio, que tal reviver a era de ouro do rádio nacional com um de seus maiores produtos? A esquete 'Bom dia, minha companhia' foi produzida para reviver aquela época e, quem sabe, inspirar futuros radialistas. Ouça!

FICHA TÉCNICA

ROTEIRO: Taísa Silveira e Felipe Mendes
EDIÇÃO: Bruno Araújo
LOURDES MARIA: Caroline Melo
AMIGA: Camilla de Assis
JOTA LOMBARDI: Felipe Mendes
PROFESSORA: Taísa Silveira
NARRADORA: Paula Brasileiro

 

Comentários