Clicky

Selecione a cidade
4020-9734

Notícias › Educação


2019 sem dívidas? Veja como traçar metas e sair do vermelho!

Se você deseja começar o ano com o setor financeiro em ordem, a gente te mostra que não é difícil. Saiba como!
Rebeca Ângelis Por: 30/11/2018 - 10:58 - Atualizado em: 30/11/2018 - 11:13
2019 sem dívidas? Veja como traçar metas e sair do vermelho!
2019 sem dívidas? Veja como traçar metas e sair do vermelho!

Sair do vermelho, organizar finanças ou investir em novos projetos, sem necessariamente se endividar. Entra ano e sai ano, esse se torna o desejo de muitas pessoas. Mas tirar essas metas do papel nem sempre funciona para todos. Uma pesquisa de 2015, realizada pela Universidade de Scranton (EUA), revelou que 75% das pessoas não conseguem cumprir os planos traçados no ano novo. A maioria cumpre somente até a primeira semana de janeiro e depois desiste, incluindo os planos com finanças. Isso se deve, principalmente, à falta de organização e planejamento na hora de elaborar planos para o futuro.">A psicóloga e professora da Uninassau, Cláudia Ben, explica que algumas metas só podem ser concluídas se houver bom senso por parte de quem se desafia. Segundo ela, os planos precisam ser realistas e se enquadrarem em um desafio que a própria pessoa consiga cumprir.

Portanto, se você deseja começar o ano com o setor financeiro em ordem, a gente te mostra que não é difícil. Basta se ligar em nossas dicas, se programar da melhor forma e colocar tudo em prática. Confira!

Se livre de pagamentos parcelados 

Se por um lado, fazer compras parceladas pode te ajudar consumir um produto e pagá-lo em ‘suaves’ prestações, por outro, dividir sem se programar pode tornar seu débito uma bola de neve. A maioria dos pagamentos parcelados possui juros altíssimos – principalmente aqueles que são de várias parcelas. É aí que muita gente volta a se endividar. Por isso, em 2019, organize suas finanças deixando de lado as compras parceladas.

Trace um orçamento mensal

Depois de verificar quais seus débitos, é hora de elaborar um planejamento financeiro para enquadrar os gastos necessários na sua renda mensal. Fazendo isso, é possível verificar seus gastos fixos, provisórios e o quanto você pode tirar para gastar, sem ficar o aperto.

Separe um caderno, lista no excel do computador ou até mesmo use aplicativos e detalhe itens. Assim, será possível ver o que sobra e o que precisa ser mediado para adequar o seu padrão de vida.

Xô, dívidas!

Antes de pensar em gastar, economize! Acredite, é muito melhor ter um sonho, poupar e estipular prazos para realizá-los, sem ficar no aperto. Para isso, é necessário também pensar em reduzir despesas. Antes de gastar, vale se fazer perguntinha de sempre “Eu estou mesmo precisando disso agora?”.  Crie um diagnóstico financeiro, ou seja, anote tudo o que for gasto ao longo de um mês, separando as despesas por categorias (energia elétrica, água, alimentação, combustível, telefone, por exemplo), para saber onde exatamente pode diminuir ou até mesmo cortar.

Entre as alternativas para guardar dinheiro, você também pode investir no Tesouro Direto, fundos de investimento de longo prazo (acima de dez anos), previdência privada, ou até o velho porquinho. O que vale mesmo é planejar de forma consciente.

 

Ano novo, metas de sucesso

Tem metas para 2019? Revise-as periodicamente e não deixe de cumprí-las. Ainda que o ano inicie em processo de organização financeira, não hesite em persistir no equilíbrio. Reveja sempre todas as metas. Faça isso mensalmente, trimestralmente ou semestralmente. Avalie o que precisa melhorar e como tem evoluído, acrescentando novas metas ou até  mudando algumas(se necessário). O que importa é que 2019 pode ser um ano de sucesso. Só depende de você!

Descubra também quem é você na confra da turma!

Comentários